terça-feira, 20 de setembro de 2011

Programas gratuitos para Windows

Uma falácia que alguns usuários Linux usam para esculhambar com o Windows é que usando Linux você não precisa gastar dinheiro comprando programas e que no Windows para ter um sistema funcional tem que desembolsar até a alma. Uma grande mentira. Esquecem de dizer que praticamente todos os bons programas open source para Linux existem para Windows também! E com uma vantagem: binários estátaticos com instaladores auto-suficientes, sem o inferno das dependências que engessam as versões dos programas dentro do ciclo de vida das versões das distribuições Linux. E, além dos programas open source, existem diversos programas gratuitos não open source para Windows para completar a lista.

No final, o custo para você ter um Windows totalmente funcional é o custo do próprio sistema operacional. Pegando o Windows 7, as versões Home Basic ou Home Premium, que são perfeitamente adequadas para o uso doméstico, estão na faixa dos R$ 300. É um software que tem uma vida útil mínima de cinco anos. Até mesmo a versão Starter pode ser suficiente para leigos, porém é distribuida apenas em conjunto com máquinas (regime OEM).

Então, voltando ao ponto inicial, aqui vão alguns programas gratuitos/open source para Windows.

Multimídia
ver também Básico sobre pacotes de codecs
- Windows Media Player: apenas para constar, nas versões atuais, 11 para cima, é um player decente.
- foobar2000: excelente player de áudio, mais leve que uma pena. Interface simples e customizável.
- jetAudio Basic: muito bom player, decoders embutidos.
- Media Player Classic Home Cinema (MPC-HC): player de vídeo simples e leve.
- VLC: decoders embutiidos; o conhecido player open source em versão Windows.
- HandBrake: conversor de vídeo em versão Windows.

Rede/internet
- Pidgin: mensageiro multi-protocolo, em sua versão Windows.
- Miranda: mensageiro multi-protocolo simplista, para quem dispensa firulas.
- uTorrent: cliente BitTorrent muito leve e completo.
- FileZilla: o conhecido cliente FTP, em sua versão Windows.
- Firefox, Chrome, Opera, etc: todos disponíveis para Windows. No caso do Firefox, a partir da versão 4, roda melhor no Windows, usando aceleração por hardware quando disponível, o que na versão Linux está prejudicado por causa da calamidade que é a infraestrutura gráfica do X.Org e Cia. Ltda.
- Flash Player: apenas para constar, o desempenho do Flash Player no Windows é infinitamente superior do que no Linux -- boa parte da culpa é da Adobe, porém a tranqueira do X.Org ajuda a piorar a situação.

Arquivadores
- 7-Zip: bom compactador de arquivos. Suporta extrair uma grande variedade de formatos. Comprime no formato 7z (LZMA, LZMA2, PPMd, BZip2), zip (Deflate, Deflate64, BZip2, LZMA, PPMd) e os formatos sem compressão TAR e WIM. Para arquivos individuais, está disponível também o uso direto de GZip (gz), BZip2 (bz2) e XZ.
- WinRAR: é um shareware eterno se for usado sem registro. Não expira. Enterrou o WinZip faz tempo. Excelente programa.

Editores
- Notepad++: Editor de texto plano. Outra pena de leve. Excelente. Destaque de sintaxe, etc.

Imagens
- Picasa: excelente programa de gerenciamento de imagens, edição simples.
- Paint.NET: excelente programa de edição/criação de imagens. Não é o Photoshop porém também não é o Paint. Requer .NET (nativo a partir do Vista, instalável no XP).
- GIMP: o conhecido editor de imagens, em sua versão Windows.
- Inkscape: o conhecido editor de gráficos vetoriais, em sua versão Windows.

Áudio:
- Audacity: o conhecido programa de edição de áudio, em sua versão Windows.

Escritório
- LibreOffice: a mesma suíte disponível para outros sistemas. Com seus mesmos méritos e limitações.
- PDFCreator: um dos vários programas com uma impressora virtual para criação de PDFs. Gosto deste por costume, sou usuário de longa data.
- Adobe Reader: leitor de PDFs. O Reader passou a ter má fama lá pela versão 6, quando se tornou bem mais pesado que a versão 5. A partir da versão 8 voltou a ser um programa decente.
- Foxit Reader: alternativa ao Adobe Reader. Programa leve.

Gravação de CD/DVD
- ImgBurn: gravação/criação de imagens de discos ópticos. Mais uma referência de programa pequeno, leve e completo.
- CDBurnerXP: bom programa de gravação. Requer .NET (nativo a partir do Vista, instalável no XP).
- BurnAware Free: programa simplista de gravação. Bastante leve.

Virtualização
- VirtualBox: em sua versão Windows.

Diversos
- CCleaner: programa simples e eficaz para excluir arquivos temporários, histórico de programas diversos, tudo numa mesma interface.
- Cobian Backup: excelente programa para realizar backups, agendados ou não -- pode rodar como serviço também. Backup completo, incremental, diferencial, etc; comprimido ou não, etc.

E paro por aqui. Existem diversos outros excelentes programas gratuitos/open source para Windows. Estes são alguns que tive oportunidade de usar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário