quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Consolidação das ferramentas *fdisk

A suíte util-linux possui três ferramentas de particionamento, que durante bom tempo ficaram semiabandonadas. Cada uma usava sua própria implementação e suportava recursos distintos, bem como tinha deficiências diferentes...

Foi feita uma enorme reforma nos últimos anos. Criou-se uma biblioteca chamada libfdisk reunindo todas as funções usadas pelos particionadores e aos poucos as três ferramentas tiveram boa parte dos seus códigos refeita, abandonando as implementações individuais e passando a usar a biblioteca, o que evita duplicação de código, facilita a correção de bugs e adição de novos recursos.

A libfidsk nasceu na versão 2.23 (25/04/2013) e, inicialmente, apenas o fdisk usava-a. Naquela época, a biblioteca era considerada experimental, de uso interno, sem uma API estável para programas de terceiros. Na 2.24 (21/10/2013), a reforma do fdisk foi completada.

Na 2.25 (22/07/2014), o cfdisk, aquele amigável particionador com TUI, passou a usar a libfdisk e nisso voltou a ser um programa recomendado. A biblioteca continuava de uso interno.

Na 2.26 (19/02/2015), o sfdisk, último da lista, a versão scriptável do fdisk, também adotou a libfdisk. Essa versão marcou a biblioteca como estável e passou a exportá-la como tal.

A migração para a libfdisk deu às três suporte a GPT e capacidade de alinhar corretamente partições de acordo com a topologia do disco (o fdisk já alinhava corretamente antes da reforma, contudo).

A partir da 2.26, é possível compartilhar scripts do sfdisk com o fdisk e cfdisk! Bem legal:

https://www.youtube.com/watch?v=7cpubjTRiog

Na recém lançada 2.27, temos refinamentos diversos nos programas; destaque para a exibição de informações das partições no cfdisk, acessível através da letra x. O trabalho pesado de consolidação terminou na 2.26.

Ainda bem que o pessoal do Debian/Ubuntu voltou a tratar a suíte util-linux como cidadã de primeira classe. No Debian 8 temos a 2.25. Infelizmente o Ubuntu 14.04 LTS ficou com a obsoleta versão 2.20 do Debian 7. Teria dado tempo tranquilamente de colocar a 2.24 no 14.04 (significaria ter um fdisk com suporte a GPT), mas, como a Canonical não havia alocado ninguém para trabalhar no pacote do Debian, que estava atirado às traças, os usuários acabaram com uma versão mais velha do que o esperado. Então, se for possível pular o LTS, 14.10 e 15.04 têm a versão 2.25 e o futuro 15.10 terá a 2.26.

Versões mínimas recomendadas:

Alinhamento OK GPT
fdisk 2.17 2.23 (2.24+ preferível)
cfdisk 2.25 2.25
sfdisk 2.26 2.26

Situação das distribuições:

Distribuição Versão util-linux
Debian 6 2.17
Debian 7 2.20
Debian 8 2.25
Ubuntu 14.04 2.20
Ubuntu 14.10 2.25
Ubuntu 15.04 2.25
Ubuntu 15.10* 2.26
openSUSE 13.1 2.23
openSUSE 13.2 2.25
Fedora 20 2.24
Fedora 21 2.25
Fedora 22 2.26
Fedora 23* 2.27
CentOS 6 2.17
CentOS 7 2.23
* Em desenvolvimento enquanto escrevo

Nenhum comentário:

Postar um comentário