quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Complemento sobre o suporte a SSDs (e HDs com setores físicos de 4KiB) no Linux

Levando em conta que o NTFS, no Windows 8, usará clusters de 4KiB sem usar a camada de emulação (512e) nos HDs com "Advanced Format" e SSDs, este post é uma atualização do Suporte ao comando ATA TRIM no Linux. O que postei em Usando o GParted com o Parted Magic e Ubuntu 10.04 saberá lidar com HDs com setores de 4KiB também continua valendo; ou seja, para começar, é necessário ter as partições corretamente alinhadas, o que felizmente não é mais problema, visto que os instaladores (pelo menos das distribuições maiores) estão adaptados.

Como o Linux possui vários sistemas de arquivos, falarei apenas dos que possuem relevância: EXT4 e XFS (Btrfs deixo de lado pois é experimental).

O mke2fs da suíte e2fsprogs automaticamente ajusta o tamanho de cada bloco de acordo com o tamanho do setor físico do dispositivo. Portanto, em teoria™, é tudo automático com EXT4.

Já com XFS, para usar os setores de 4KiB sem emulação, na hora da criação do sistema de arquivos, o mkfs.xfs precisa ser invocado com -s size=4096. Por enquanto, a ferramenta ainda não foi adaptada para detectar o tamanho do setor físico e escolher automaticamente o tamanho do setor do sistema de arquivo. Usa sempre 512 bytes. Ou seja, nada de muito automatizado nas distribuições. Quem quiser ter uma configuração 100% com HDs com setores físicos de 4KiB ou SSDs e XFS, terá que formatar manualmente antes de instalar seu Linux preferido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário