terça-feira, 8 de agosto de 2017

Firefox com múltiplos processos

A primeira etapa do projeto Electrolysis (e10s) foi completada no Firefox 49. Não havendo extensões incompatíveis*, o navegador usa três processos: um para a interface, um para o conteúdo das abas e outro para os plugins.

Esse processo separado para a interface acabou com o vexatório cenário de parecer tudo travado quando sites pesados eram carregados.

Contudo, os conteúdos das abas ainda compartilhavam o mesmo processo. Um aba ocupada trancava as demais.

No Firefox 54, a segunda etapa do projeto (e10s-multi) começou a ser implementada. Desde que nenhuma extensão bloqueie, quatro processos para o conteúdo das abas são ativados (sob demanda) de acordo com uma probabilidade estabelecida pela Mozilla. Me perdi seguindo o código, porém acho que começou com 1% dos usuários. Na recém lançada versão 55, a proporção passou a ser de 50%.

Portanto, a partir da versão 55, número considerável de usuários rodará com múltiplos processos. Em about:support, olhe as linhas "Janelas multiprocesso" e "Web Content Processes". Se na primeira aparecer 1/1 e na segunda X/4, está ativo. Quem quiser habilitar manualmente, basta ir em about:config e configurar dom.ipc.processCount com 4.

Vinha rodando com quatro processos (configurados manualmente) desde o Firefox 54. Porém foi agora no 55 que realmente notei grande diferença. O navegador está mais ágil. Finalmente.


* É necessário declararem que funcionam com mais de um processo. Há desenvolvedores de extensões, no entanto, que não estão nem aí e até o momento não deram a mínima para isso. Dois exemplos: Ubuntu Modifications (Ubuntu e derivados) e Kaspersky Protection do antivírus homônimo (Windows). Nesses casos, nem mesmo a interface roda num processo separado. Total falta de respeito com os usuários. Que venha logo o Firefox 57, que suportará apenas WebExtensions, compatíveis out-of-box.

Um comentário:

  1. Minha nossa, meu Firefox virou outro depois dessa atualização. Pra ativar o novo recurso tive que desabilitar as extensões incompatíveis (Trend Micro Osprey, JS Switch e Video DownloadHelper). Antes qualquer página segurava o navegador todo, agora as coisas fluem, nada de engasgos. Valeu pela dica!

    ResponderExcluir