terça-feira, 25 de outubro de 2011

Tipos de imagem do Ghost

Acho que o Ghost é o programa mais popular de clonagem de disco. Na verdade, existem dois "Ghosts", o Symantec Ghost e o Norton Ghost. São produtos diferentes. O Symantec Ghost vem na suíte Ghost Solution Suite e é destinado ao mercado corporativo, enquanto o Norton Ghost, mais barato, é vendido nas caixinhas para os usuários finais. Este post leva em conta o Symantec Ghost, mas provavelmente sirva para o Norton Ghost também.

Ao criar/restaurar imagens de um sistema operacional, você espera que ao final tenha um sistema booteável, certo?

O Ghost só lhe garante que mexerá no código de boot do MBR quando você criar/restaurar imagens de disco, ou seja, usa as opções

Local -> Disk -> To Image (criar)
Local -> Disk -> From Image (restaurar)

com sistemas operacionais suportados. Nos demais, ele até pode suportar o sistema de arquivo usado e lhe entregar o particionamento correto, mas o bootloader pode não funcionar. Existem alguns quebra-galhos, como força-lo a copiar o código booteável do MBR (opção -ib), mas por garantia é recomendável cuidar se ele suporta out-of-the-box o sistema operacional que será clonado.

Quando você cria/restaura imagens de partições, ou seja, opções

Local -> Partition -> To Image (criar)
Local -> Partition -> From Image (restaurar)

ele não mexe no código de boot do MBR. Com Windows, se já houver um código de boot lá remanescente de instalações anteriores, funcionará, pois o mecanismo de boot do Windows é bem simples e não envolve código variável como no caso do GRUB, por exemplo. Por isso quando já existe uma instalação anterior do Windows, apenas colocando um novo sistema de arquivos na partição funciona.

Quando o HD está zerado e você cria um particionamento novo com alguma ferramenta que não mexa no código de boot do MBR (que apenas altere a tabela de partição), ao restaurar partições com o Ghost, ele não mexe lá. Assim, o BIOS não tem o que carregar e o sistema não dá boot.

Uma solução para o Windows XP é, depois de restaurar a imagem da partição, no console de recuperação do CD, rodar o comando FIXMBR (FIXBOOT é desnecessário). Uma mídia do Vista ou do 7 também serve. Depois de carregada, na tela inicial do instalador, clique em "Reparar o computador". Na próxima tela, clique em "Prompt de comando". Para Windows XP, rode o comando bootsect /nt52 SYS. Para Vista/7, rode bootsect /nt60 SYS

Referência:
http://www.microsoft.com/resources/documentation/windows/xp/all/proddocs/en-us/bootcons_fixmbr.mspx?mfr=true
http://technet.microsoft.com/pt-br/library/cc749177%28WS.10%29.aspx

NOTAS

- O Windows 7 passou a ser oficialmente suportado no Symantec Ghost 11.5.1.2266.

- É desnecessário formatar as partições (ou criar previamente o particionamento no caso de imagens de disco) onde o Ghost restaurará imagens, pois ele recria toda a estrutura novamente, incluindo particionamento, sistema de arquivos, código de boot no MBR. Tanto faz se o HD tem algum dado gravado ou não. No modo de restauração de disco, ele passa o rodo e volta ao que era quando a imagem foi feita.

- Apesar do Clonezilla ser uma boa ferramenta gratuita, o Ghost tem uma vantagem, que é a capacidade de restaurar imagens para HDs menores do que o original.

Nenhum comentário:

Postar um comentário